As Ligas Acadêmicas são entidades estudantis apolíticas e sem fins lucrativos, vinculadas à Faculdade de Ciências Humanas, Exatas e da Saúde do Piauí/ Instituto de Educação Superior do Vale do Parnaíba (FAHESP/IESVAP) que possuem como objetivo a ampliação do trinômio ensino, pesquisa e extensão em caráter interdisciplinar. Além da atualização e a promoção de novos conhecimentos científicos, bem como a aquisição de novas habilidades e atitudes.
No âmbito da extensão, propõem projetos com a exposição do discente à realidade social da população com a qual convive. Isso leva à reflexão crítica sobre o modelo biomédico e suas limitações, proporcionando mudanças em relação à humanização do cuidado, além do desenvolvimento da cidadania e conscientização sobre sua responsabilidade social.
As Ligas acadêmicas têm por finalidade:

I. Criar oportunidades em que os discentes possam atuar junto à comunidade como agente de transformação social e desenvolvendo atividades assistenciais;
II. Ampliar o objeto da prática profissional, reconhecendo as pessoas em sua integralidade, não apenas através do conhecimento científico, mas também pelo exercício da cidadania;
III. Oferecer à sociedade serviços advindos das atividades de ensino, pesquisa e extensão, articulando-os de forma a viabilizar a interação entre a universidade e a sociedade;
IV. Utilizar as atividades práticas como um cenário gerador de teorias, valorizando experiências em detrimento de conceitos;
V. Valorizar a complexidade dos processos reais, não centralizando o processo ensino-aprendizagem em fundamentos teóricos;
VI. Estimular uma visão global e integradora das diferentes áreas temáticas, evitando a especialização prematura;
VII. Estimular o pensamento crítico, a criatividade e a capacidade de resolver problemas utilizando a integração de conteúdo e induzindo a perspectiva interdisciplinar;
VIII. Colaborar com a instituição de ensino no desenvolvimento de tecnologias assistenciais, educativas e operacionais.
IX. Desenvolver e participar de atividades de divulgação científica, técnica ou tecnológica como cursos, projetos, exposições, palestras, seminários, simpósios, jornadas, encontros, oficinas, reuniões ou congressos.
X. Estimular a produção científica relevante, incluindo a elaboração e apresentação de resumos e artigos científicos frente às demandas sociais contemporâneas.
XI. Desenvolver o hábito de observação, registro e divulgação de informações coletadas.
XII. Apoiar e participar de projetos de pesquisas que possam contribuir para o desenvolvimento científico.
XIII. Estabelecer um espaço que propicie o aprimoramento da formação técnico-científica e humanística dos estudantes de graduação.


Tereza Cristina de Carvalho Souza Garcês
Coordenadora CoPPExI